Dicas práticas

Veja nesta página dicas para melhorar sua experiência de uso com o Fiscal.io Monitor.

Ajustar performance do Fiscal.io Monitor conforme capacidade computacional do computador

O aplicativo Fiscal.io Monitor foi desenvolvido para suportar diferentes modelos de computadores.

Na instalação inicial sempre deixamos o mesmo de forma a utilizar o máximo da capacidade computacional, entretanto podemos ajustar esta configuração conforme capacidade de cada computador.

No procedimento vamos mostrar como reduzir a capacidade de processamento.

Os mesmos parâmetros utilizados para reduzir a performance podem ser utilizados para aumentar a capacidade de processamento.

Procedimento

1) Abrir o Monitor e clicar no botão de Configurações

2) Clicar na botão [Opções Gerais] e ajustar os parâmetros destacados na figura abaixo conforme apresentado na própria figura;

3) Na tela inicial do Monitor trabalhar com os XMLs com as seguintes práticas:

a) Sempre manter o filtro de data referente ao escopo de trabalho; Quanto mais dados manter forem apresentados na tela, mais memória do computador é utilizada; Nos sabemos que a exibição de períodos superiores a 1 mes é util apenas para análises de fechamento, auditoria, etc;

b) Nos filtros da lateral direita marcar os tipos de documento pertinentes o escopo de trabalho do analista;

c) Na lateral esquerda, deixar marcado somente as empresas que forem escopo do trabalho. Devemos imaginar o Monitor igual uma planilha do Excel, quando maior os dados exibidos, mais processamento é exigido.

Opções avançadas

Além das opções acima, o Fiscal.io Monitor tem outras diversas opções para melhoria de processamento. Veja abaixo alguns exemplos:

  • Conexão em banco de dados como Oracle, Sql Server, PostgreSQL ou MySQL;

  • Configuração de serviços de processamento paralelo;

  • Instalação em servidores em nuvens como Amazon, Google Cloud, Azure, etc.

Para obter mais detalhes sobre estas configurações, entre em contato conosco através do formulário de contato ou via bate-papo.